Cursos e Bibliotecas Ver Mais

Galeria 3D1 Ver Mais

AlbertoMaciel   Joinville - SC
MMaximuss   Sâo Bernardo do Campo - AC
LuizBulldog   Brasil - SP

Portfólios Ver Mais

Mtgm1000   curitiba - AC
Yorque.max   Simões Filho - BA - BA
rgdesign   chapeco - SC
Leandro_L   Poços de Caldas - MG - MG

Tutoriais - Edição de imagens

PhotoShop Interface parte 2

Essa é a continuação da primeira parte do tutorial sobre a interface do PhotoShop 7 e CS, se não leu a primeira parte clique aqui.

6 - HISTORY

Essa paleta serve para você retornar algo que tenha feito. Os três ícones que se encontram no canto inferior direito são: a lixeira, cujo funcionamento já foi explicado na parte 1, e o CREATE SNAPSHOT, que serve para \"tirar uma foto\" da sua imagem atual, esta é uma ferramenta muito útil pois você pode fazer várias fotos da sua imagem e ir comparando os efeitos de cada uma para ver qual é o melhor.
Veja o destaque em vermelho na imagem ao lado, cliquei sobre o ícone SNAPSHOT após mexer na minha imagem, note que os dois snaps que fiz são diferentes. Para fazer a imagem voltar ao lugar onde você \"tirou a foto\" basta clicar sobre os SNAPSHOTs, sempre que abrir uma imagem será criado um snapshot padrão, neste caso seu nome fica com o nome do arquivo (bgfabrica.jpg).

O outro ícone é para criar um novo documento baseado no estado atual da imagem, clique sobre ele que será criado uma cópia da sua imagem original.

Para voltar a um estado anterior somente clique sobre a ação que deseja que o documento volte, dessa ação para baixo ficará cinza indicando que aqueles comandos já não estão aplicados a imagem, mas pode clicar sobre qualquer um deles sem problema.

Para excluir uma ação basta clicar sobre ela mantendo o botão ALT pressionado.

Clicando com o botão direito sobre uma ação ou snapshot no HISTORY pode acessar um mini menu com funções como: Delete, New snapshot, Clear history (limpa todas as ações menos a que estiver sido selecionada para entrar no menu) e New document, essa opções também são acessadas pelo menu da setinha branca, que contém também as funções: Step Forward (mover ação para frente), Step Backward (mover ação para trás) e History Options.

Dentro de History options você encontra as seguintes configurações:

- Automatically Create First Snapshot: Já inicia o documento com um snapshot.

- Automatically Create New Snapshot When Saving: Sempre que salvar o documento será criado um Snapshot.

- Allow Non-Linear History: permite selecionar uma ação sem perder as ações após a escolhida, assim dá para excluir ações de forma individual, sem a opção Non-Linear se excluir uma ação todas as que estão após ela também serão excluídas. Todas as alterações na imagem são colocadas no final da lista.

- Show New Snapshot Dialog By Default: Mostra o diálogo do Snapshot, onde pode colocar um nome para ele, e também escolher o tipo de Snapshot, se vai querer só do layer selecionado ou de tudo.
7 - Actions

Este é um dos painéis que fazem o Photoshop único em termo de versatilidade, as Actions servem para automatizar a aplicação de comandos. Nela você grava o caminho e todos os efeitos e configurações que fez na imagem, depois basta dar um play para que elas sejam aplicadas a qualquer outra imagem. As Actions trabalhando com o menu Automate formam um time muito poderoso no que diz respeito a ganho de tempo. Leia sobre ACTIONS no meu tutorial Criação de Actions aqui no site www.tresd1.com.br, onde ensino a fazer e rodar uma action simples.
8 - Tool Presets

Serve para gravar alguma configuração de ferramenta.

Para criar uma gravação de ferramenta clique sobre a ferramenta, faça suas configurações, depois vá no menu de ferramentas e clique na setinha ao lado do ícone da ferramenta escolhida, depois clique na setinha branca e escolha NEW TOOL PRESET.
Dê um nome para sua gravação. No menu da setinha branca, na paleta do TOOL PRESET, dá para salvar todas as suas gravações em um arquivo que depois pode ser lido pelo Load do tool preset, assim pode salvar várias configurações e guardá-las para usar depois.
9 - LAYERS

Esse é o método de trabalho do Photoshop, usar camadas (layers) para ir sobrepondo imagens e efeitos.

Quando inicia um novo documento vai ver no menu Layers o Background, se abrir um arquivo vai exibir a configuração de layers quando for compatível com camadas (exemplo: PSD a extensão do Photoshop), se não for compatível com camadas vai aparecer somente uma, com o nome Background.

O ícone do olho indicada visibilidade, se clicar sobre ele o layer vai se tornar invisível, para reaparecer basta clicar sobre o olho novamente ou sobre o layer.

O Pincél indica o layer que está trabalhando, neste quadrado também pode aparecer uma corrente que significa LINK, o link serve para agrupar dois ou mais layers, ou seja, se mover, rotacionar ou escalonar um dos layers, os linkados a ele vão fazer o mesmo. Para usar o link basta clicar sobre um quadrado que não esteja com o pincél dentro, e para remover o link é só clicar sobre a corrente.

Para renomear um layer é só clicar duas vezes sobre seu NOME.
Quando você inicia um trabalho no Photoshop o primeiro layer não pode ser deletado, ele está com um cadeado porque tem que haver pelo menos um Layer na área de trabalho. Nesse layer não é possível mudar propriedades e movê-lo.

1 - Add Layer Style: Adiciona um estilo no layer, como sombras, volume, glow, entre outros, se clicar em BLENDING OPTIONS abre o configurador dos estilos na raiz principal e sem nenhuma opção configurada (falaremos dele mais tarde).

2 - Add Mask: serve para adicionar uma máscara sobre o layer. As máscaras são como um vidro embassado, ele todo embassado é o layer, se você passar o dedo o vidro vai ficando mais visível certo? Com as máscaras não é diferente, adiciona uma e depois clica num pincél, na borracha ou qualquer outra ferramenta que pinte, vai pintando sobre a imagem até ter a transparência desejada.
Observe, eu tenho dois layers, um pintado de vermelho e outro de azul, como o azul está por cima é exibido somente a cor azul. Agora vamos adicionar uma máscara.

Automaticamente o quadrado branco (o Sub-layer da layer azul) é adicionado, note que há um contorno sobre ele e apareceu no lugar do pincél um quadrado com um círculo no interior, para voltar a trabalhar no layer azul, é só clicar sobre o quadrado azul que o contorno preto vai se deslocar para ele e o pincél vai reaparecer, mas agora volte para o layer Mask (quadrado branco). Quando voltar o padrão de cores muda para tons de cinza, os tons de cinza são medidos em porcentagem e no layer Mask indicam o grau de opacidade (transparência) dele, indo de preto (100% transparente) ao branco (0% transparente) vou ajustar para um cinza 50% ou seja somente 50% das cores do layer de baixo serão exibidas onde eu pintar. Selecionei um pincél e pintei sobre o layer Mask com a cor de foreground cinza 50%.
Veja como a cor no layer vermelho é viva e como onde eu pintei com o pincél está meio escuro, veja também o desenho que fiz em miniatura no quadrado branco.


Vou fazer um mix usando diferentes configurações para você ver.
Agora já dá para perceber, note uma corrente de link entre o layer azul e seu Mask, com esse link habilitado se mover o azul a máscara vai junto, agora sem este link, pode-se tanto mover o layer Mask como o azul individualmente. Clicando sobre o Layer Mask com o botão direito aparecem várias opções:
Primeiro o de seleção:

Veja na imagem ao lado os diversos tipos de seleção existentes no Photoshop, podem ser feitos usando dois tipos de ferramentas que se encontram na barra de ferramentas.

- Set Selection to Layer Mask: Faz uma seleção de todo o layer Mask, pegando todos os contornos.

- Add Layer Mask to Selection: Pega alguma seleção que tenha feito e adiciona ao layer Mask.

- Subtract Layer Mask From Selection: Pega alguma seleção que tenha feito e subtrai do layer Mask.

- Intersect Layer Mask Wich Selection: Pega alguma seleção que tenha feito e faz uma interseção com o layer Mask.

O Disable serve para tornar invisível o layer Mask, um X vai ficar sobre ele, para torná-lo visível clique sobre este X, no Discard você deleta o layer Mask, e no Apply você transforma o layer azul e o Mask num só layer, ele ficará identico como se estivesse com a máscara.

Para fazer uma seleção mais rápida quando estiver sobre uma camada, basta deixar pressionada a tecla CTRL enquanto clica sobre um layer normal ou um Mask, uma mãozinha com um quadrado ao lado indicam que vai ser feita a seleção.

Create a New Set: essa é uma ótima opção para quem trabalha com muitos layers, os sets são pastas onde você pode guardar seus layers de forma organizada. Para usá-lo é simples: basta clicar no ícone de SETs, vai ser criada uma pasta, arraste os layers para dentro dela. Para excluir, clique com o botão direito e escolha Delete, vai perguntar se deseja excluir só o Set ou tudo que está dentro dela. Para visualizar ou esconder os layers que estão dentro dos Sets é só clicar sobre a setinha azul do lado do ícone da pastinha.

Create New Adjustament Layer: Selecionando esta opção vai ser criado um layer onde se pode ajustar praticamente tudo em uma imagem, têm Brilho, Saturação, Nível, Curvas, Balanço de cores entre outros, funciona identicamente ao modo Layer+Mask, onde pode pintar sobre a máscara, a única diferença é que não se pode selecionar o layer anterior ao Mask. (Falaremos sobre todas as opções de ajuste quando chegarmos ao menu IMAGEM-ADJUSTMENTS)

Create New Layer: Cria uma nova camada sobre a selecionada. Clique e arraste um layer para esse ícone e ele será duplicado.

6 - Delete Layer: exclui as camadas que estiverem selecionadas.
Vamos falar agora do menu acima dos Layers.

Fill: ele afeta a opacidade (transparência) do Blendig Oprions sem mexer no fundo.

Opacity: Afeta o layer totalmente.

Onde está escrito NORMALé o local para fazer as mixagens com layers, ali que estão as mágicas do Photoshop. Experimente pegar uma figura qualquer e criar um layer por cima, pinte-o todo de uma cor só, o layer de baixo vai sumir e dará lugar a cor que você pintou, agora clique em NORMAL e escolha color, note o que aconteceu, é assim que funciona esta parte do Photoshop, há opções para capturar áreas claras ou escuras, entre muitas opções, no começo vai ficar perdido, mas com o tempo e costume você saberá exatamente qual tipo vai usar.

Os ícones do lado de LOCK servem para travar sua imagem:

- Lock Transparent Pixels: evita que se pinte sobre qualquer pixel transparente.

- Lock Imagem Pixels: evita que se pinte sobre o layer.

- Lock Position: evita que se mova o Layer.

- Lock All: evita todas as opções acima ao mesmo tempo.

Quando tiver travado alguma dessas opções para destravar basta clicar sobre o ícone novamente.

No menu da setinha branca você encontra opções como o Palette Options, onde dá para escolher o tamanho das miniaturas.
10 - CHANNELS

Aqui é onde pode trabalhar com cada canal de cor separadamente e também manipular os canais de Alpha da imagem.

Como minha imagem é do tipo RGB os canais foram separados em Vermelho, Verde e Azul, repare que minha imagem de exemplo só têm vermelho e azul, assim o canal verde está totalmente preto, para trabalhar com cada canal é só selecioná-lo, como se fossem Layers.

O grande barato aqui é usar o Olho (indicador de visibilidade) para mixar os canais e ver como que está ficando seus ajustes.

Os ícones lá embaixo são: a lixeira, o Create New Channel, para criar um canal com o nome de Alpha1, nele você poderá gravar seus Alpha Channels, faça seleções e use os dois outros ícones, o SAVE e o LOAD SELECTIONS, depois volte para a paleta Layers e clique sobre um layer para sair do modo CHANNELS.
11 - PATHS

Essa função serve para criar formas que podem se tornar seleções.

Veja este exemplo: Eu cliquei no segundo ícone, do lado da lixeira (CREATE NEW PATH), depois criei uma seleção com um quadrado, depois cliquei no terceiro ícone da direita para a esquerda (MAKE WORK PATH FROM SELECTION), ou seja, criar uma forma pela seleção), assim a seleção é transformada em um Path, esse Path fica abaixo do layer que você fez antes (path1), com o nome Work Path, a vantagem deste caminho é que ele pode ser manipulado pela ferramenta Path selection e Direct selection.
O Direct altera os pontos (arrestas de sua forma) e o Path move o caminho.

Depois é só escolher entre as opções dos três ícones do canto, Fazer um preenchimento baseado na forma, fazer uma linha baseada na forma, ou fazer uma seleção baseado na forma.

Esse é o fim do tutorial da interface do Photoshop 7 / CS, um programa cheio de pequenas opções que o fazem ser superior a todos os outros programas de edição de imagens.


Rodrigo Dias

Faça o login para poder comentar

SEphIRoTh Comentou em 16/06/2011 18:37 Ver comentário

Usuários conectados

Total de mensagens publicadas pelos membros da comunidade: 668231.

Total de membros registrados: 107530

Últimos membros registrados: isaorsi, jpmendes, Oliveirari, caucau, maicon.msq, fcprates, NataliaScussel, thiago1821.

Usuário(s) on-line no momento: 432, sendo 7 membro(s) e 425 visitante(s).

Membro(s) on-line no momento: wilsimar, Pedroca, italo27, Cosme Braga, isaorsi, Seska jnf, marcosdio.

Legenda: Administrador, Especial, Moderador, Parceiro .

3D1 © Três D1 © 1999-2018. Todos direitos reservados.